Máscara Vermelho Vibrante Olenkcolor Resenha - Removedor de Esmaltes Beira Alta Resenha: Estudo Independente de Joelle Charbonneau Nail Art:  Maete Esmalte 5cinco

02/02/2015

Primeiro encontro

Estou com medo. Mas do que? De não gostar,  de dar errado? Ou pode ser de gostar de mais? De dar certo?
É um frio na barriga, uma vontade de desistir. Esse medo de apegar, medo de machucar.
Primeiro encontro tem esses efeitos mesmo... Angustia alegria. Um calafrio que começa do dedinho do pé até o ultimo fio de cabelo. Olho-me no espelho só para ter certeza que estou bem.  E quando me vejo, já estou com os dedos cruzados para tudo dar certo. Respiro fundo. Ok ok ?
A cada segundo meu corpo treme, como sempre chego antes em um encontro só para sentir o gosto dos efeitos colaterais. Só deve ser isso, porque não há um encontro que eu não chegasse antes. Minha mente tenta me dar motivos para sair correndo daqui, como me falta coragem? Como transborda medo em mim? Parei de pensar um pouco. Contei até 10 varias vezes olhando meus dedos. Negando-me olhar para os lados e de repente te ver. Então pensei nos motivos para tanto medo. Lembrei-me de quantas vezes me magoaram, e quantas vezes eu  magoei  alguém. E pensar em algo assim me causa pânico. E se ele for diferente? Todos os outros foram e olha eu? Com marcas, medo de conhecer gente nova, medo de outros sorrisos.  Tentei de novo não pensar nisso – sem sucesso- segurei a bolsa que usava e pensei em pegar o primeiro ônibus sem destino, na verdade com um destino me ver longe de você. Coragem agora coragem.  Já estou na cadeira esperando não tem onde correr... Ou tem?
Olho para frente e vejo você se aproximando com um sorriso lindo e inocente.

“Quantos corações já foram partidos como esse seu sorriso inocente?” 





Queremos saber mais de você e o que você gosta, Participe!
Pesquisa de Público (responda clicando aqui)


Beijos Erika Harumi

2 escritor(es):

Seja bem-vindo ao Era outra vez, fico feliz com o seu comentário, ele é muito importante.

Volte sempre o/