Máscara Vermelho Vibrante Olenkcolor Resenha - Removedor de Esmaltes Beira Alta Resenha: Estudo Independente de Joelle Charbonneau Nail Art:  Maete Esmalte 5cinco

16/02/2015

Um pedido. Um adeus!


Uma declaração de amor, por mais simples que seja, faz toda a diferença, já que a pessoa expõe seus sentimentos em palavras, o que não é nada fácil. E tenho aqui a sua:

"Se estivéssemos juntos, te daria flores todos os dias, cantaria baixinho no seu ouvido a nossa musica, abriria a porta do carro para você entrar, te levaria para jantar quase todos os domingos, e todo dia te falava o quanto você é linda e o quanto sou grato por tê-la por perto. Te faria chorar menos, quem sabe chorar até de mais, mas de alegria. Pegaria na sua mão para passearmos no parque e faríamos um piquenique. Ficaria mais tempo no outro lado da linha quando você precisasse desabafar, te amaria como nunca e mostraria para o mundo esse amor! Então, casa comigo?"

Talvez eu até me impressionasse se não tivesse recebido essa declaração elaborada e decorada de você. Por quê tudo isso agora? Quantas vezes chorei esperando que me amasse? Vai usar uma borracha e apagar todos os aniversários que você deixou passar em branco? Ou todas as faltas de carinho que agora me promete? Aí eu voltaria para ti e o quê mudaria? Eu usaria uma roupa nova que você nunca percebe, escreveria mais um daqueles bilhetinhos de "bom dia" que nunca se deu ao trabalho de ler, e depois eu guardaria todas as mágoas num potinho que nunca fica cheio.

Tenho uma notícia para lhe dar: o pote quebrou-se. Ou melhor dizendo, eu quebrei aquilo.

Se as coisas nunca mudaram quando estávamos juntos, quando chorei inúmeras vezes e te pedi para me dar valor, por que resolveram mudar agora que me viu ir embora e percebeu que me perdeu, que deixou escapar o meu coração?
Acordei hoje e quando olhei para meu celular, lá estava a sua linda declaração. Adorei, juro que adorei. Até sorri. Mas me desculpe, não acredito que você tenha mudado, que realmente vá tentar me fazer feliz. Eu não esqueci nossos momentos. Sim, até tivemos alguns. Mas existe o simples fato de que eu não quero mais você, não sinto desejo de te ter outra vez. Se quiser me perdoar, obrigada, mas eu não voltarei.

Se possível, tenha um ótimo dia.






Beijos Erika Harumi


4 escritor(es):

  1. Que texto maravilhoso! Adorei a personagem ter dito não, porque se fosse eu, eu não resistiria...
    Sabe, se você colocasse alguma foto antes do texto começar, o post ia ficar perfeito! Fica a dica ;)
    xoxo
    foradocontextoo.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thais obrigada pela dica :)
      Obrigada pelo elogio.
      Beijos

      Excluir
  2. Caramba, um texto de derrama lagrimas, mas lagrimas daqueles que ja passou ou estão passando por esse drama. Será que eu teria a resposta certa pra essa declaração? Sim ou não pra uma segunda chance? Na verdade nem eu saberia dizer, pois, quando se ama é intenso e sempre o coração grita o que ele deseja e obedecemos sem reclamar. Eu talvez um dia desejei muito que alguém que eu amei me pedisse desculpa, triste pois isso não vai acontecer e o tempo sempre será a solução para as feridas dos nossos corações.

    amei seu texto!

    http://blogboynews.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Rodrigo pelo elogio :)

      Excluir

Seja bem-vindo ao Era outra vez, fico feliz com o seu comentário, ele é muito importante.

Volte sempre o/